O Blog da Barão Alpha. Tudo sobre estilo masculino.
segunda-feira, 26/10/2020

O Blog da Barão Alpha. Tudo sobre estilo masculino.

EstiloMasculinidade

Como deve ser a barba do homem atemporal?

Certamente ter barba é muito mais prático e fácil do que não tê-la e essa é a chave da escolha.

Se você tiver que se dedicar horas ou até vários minutos do dia a esse exercício, algo provavelmente está errado. Só uma barba toda desenhada no bisturi precisa de tanta perda de tempo. Isso definitivamente não combina nada com a praticidade , quase que obrigatória, do universo masculino. A barba muito desenhada é modismo. O homem atemporal não tem tempo a perder, ele é prático e objetivo.

O que a barba tem a ver com masculinidade?

Mulheres não possuem barba, crianças e pré-adolescentes também não. Isso está ligado ao hormônio da testosterona presentes em maior quantidade em seres do sexo masculino adultos. Logo, a barba é um sinal forte de sua presença e, consequentemente, de masculinidade. O que não quer dizer que homens não barbudos não são másculos, muito menos que alguém que possua barbas não possa ser homossexual por exemplo. Trata-se de um sinal que fica no imaginário geral e que instintivamente pode ser percebido por possíveis pares, associado a outros elementos. Isso não tem nada a ver com a escolha individual de cada um, que é sagrada, mas trata-se de um fato da espécie amplamente comprovado pela ciência.

A dica aqui é a seguinte: se você quer parecer mais másculo e possui barba, certamente ela será uma aliada nessa intenção e o contrário também é verdade.

Aparando a Barba

Mais uma vez, respeitamos todos os tipos de gostos pessoais. As vezes dicas que damos aos nossos clientes são conscientemente quebradas, mesmo a gente instruindo. A esses Barões nossas reverências e é aí que mora a verdadeira personalidade. Se você quer mesmo quebrar uma regra, quebre-a e seja feliz, se mandar fotos para nós até postaremos. Dito isso, vamos às regras testadas, com bagagem e que costumam ficar bem para a grande maioria dos Barões.

A barba deve ser limpa em poucos locais, não deve descer muito em direção a mandíbula, não entre demais com a navalha ou barbeador. Ali abaixo da boca, onde tem um ponto de pelo que sobe vindo do queixo em direção ao centro da boca, a chamada “barbichinha”, em geral, deve ser mantida. Você pode e deve tirar os poucos pelos que rodeiam esse ponto procurando não deixar clarões naquela área. Pescoços também merecem uma atenção especial. Alguns galãs como David Beckham não se importam para essa parte, mas se você não quer passar ar de desleixo, limpe ali no barbear.

Mulheres gostam de barba, isso é fato. E quando uma delas olhar para o seu rosto, deve ter a impressão que você nasceu com ela daquele jeito e não que ficou horas e horas para fazer desenhos de raios no rosto, marcas essas que logo se tornarão sujas de pelos menores e arruinarão o seu visual. O homem elegante e atraente passa a impressão que chegou no guarda-roupa, pegou a primeira roupa que viu, escovou os dentes, tirou o excesso de barba ali no pescoço, aparou-a com uma maquina própria de aparar pelos e “vazou”para a guerra ou compromisso, como queira chamar. Mesmo que isso não ocorra, essa é a impressão que devemos deixar. Tudo ligado ao homem está relacionado à praticidade, então não deixe sua aparência transparecer que você quebra essa lógica natural.

Nesse contexto se enquadra ainda mais fortemente os Barões de barbas mais parrudas, apelidados nesse universo de lenhadores. Eles são ótimas referências, pois usam o tipo de barba, na maioria, mais rude, cheia e comprida. Alguns usam uma técnica bem legal de misturar suas faces réplicas de papai Noel com um cabelo militarizado, raspado em máquina baixa na lateral da cabeça. Fica muito diferenciado e descontraído, sem tirar o ar “rústico” que pede o estilo. Tudo ligado ao mundo militar lembra praticidade.

Cuidados e Higiene:

Nós homens, costumamos ter peles bem mais oleosas do que as mulheres. Não vamos indicar nenhuma marca específica aqui, mas os shampoos próprios para essa finalidade possuem um ótimo custo benefício. Eles costumam ser indicados para uso também no cabelo, o que mantém a praticidade necessária para o tema. São mais caros, porém duram mais por necessitarem de uma menor quantidade para fazer o trabalho sujo. A barba é sempre mais crespa que o cabelo, vale a pena uma dedicação maior para essa área do globo na hora da higiene. Esfregue com as pontas dos dedos de forma a acessar além dos pelos, pois ali embaixo está concentrada a sujeira e a oleosidade que podem escamar sua pele e criar irritações e mau cheiro. Se não tiver o produto específico e for usar o shampoo comum, a receita não muda.

Acabamento final

Para domar os cabelos costumamos usar gel e pomadas, o análogo na barba são os óleos. Se você usa barba bem baixa, aparada semanalmente, dificilmente será um aliado. Mas se sua barba costuma ganhar mais de 2 ou 3 dedos, ela não ficará com aspecto saudável sem uso desse lubrificante facial. Assim como os veículos, quanto maior, mais óleo ela vai beber.

Dica para rostos redondos ou para Barões acima do peso.

Por diversos fatores nem todos conseguem manter-se dentro do seu peso ideal. Subindo o peso é fatal surgir uma leve papada abaixo do queixo. Não engordar é o ideal para saúde, mas se não tiver jeito temos uma dica excelente para disfarçar essa papada. Faça uma meia lua no acabamento da barba no pescoço. Para ser mais específico, imaginando a meia lua do campo de futebol, o gol seria o seu peitoral. Ali próximo a orelha deve ficar maior que o acabamento no queixo. Esse desenho imperceptível irá contornar o seu rosto e forçar uma linha que isolará a “papada”. Se você fizer isso em casa, basta abrir a boca na hora que estiver fazendo o pescoço, isso facilitará passar a lâmina e criar a meia lua.

Procure um profissional

Você pode e deve manter a sua barba em casa, mas é recomendável uma vez por mês, em média, você ajustá-la com um profissional. Ele vai deixá-la mais fácil de você cuidar e talvez com o tempo, você nem precise mais dessa ajuda.

Matéria escrita por Pedro Gabriel, Diretor de criação da Barão Alpha.

Comenta aí se essa matéria foi útil para você e até se concorda ou discorda de algum ponto do que escrevemos.

Quer entender o motivo de você está usando barba hoje? Leia nosso outro artigo que trata do assunto: https://manualdobarao.com.br/de-onde-vem-essa-nova-onda-de-barbudos-na-ultima-decada/

4 Comentários

Deixe um comentário

Manual do Barão
Essas matérias são escritas ou revisadas por Pedro Gabriel, Diretor da Barão Alpha, responsável pelo designer de todos os sapatos, acessórios em couro e roupas da marca. É ele também o responsável por todo o conteúdo que você ver nos stories e feed nas redes sociais da Barão Alpha.
Olá! Precisa de ajuda?
Enviar